E quanto a paixões?

Há algum tempo atrás, esta pergunta era motivo para uns certos tons avermelhados e palavras com uma ou duas sílabas a mais. Agora respondo um não calmo e tranquilo, porque é um não inteiramente verdadeiro.

Há mais sapos repugnantes do que príncipes encantados! No entanto, sei que tenho saudades do entusiasmo em escolher uma roupa gira e de querer chegar à escola mais cedo, em troca de menos uns minutos na cama! Saudades de ter a mente sempre ocupada com alguém, de toda aquela magia tão mágica, tão lamechas mas tão boa.

tags:
publicado por inês às 19:34 | link do post | comentar